Blog descontinuado

Este blog foi descontinuado.
Siga-nos agora em www.dealtorisco.blogspot.com

sexta-feira, 30 de novembro de 2007

Cartões de crédito em Portugal

Actualmente existe uma espécie de febre do crédito generalizada. Desde a habitação ao automóvel, do plasma à refeição, nunca como agora se comprou tanto a crédito. O fenómeno explica-se, por um lado, devido ao apelo consumista, com a publicidade e o marketing cada vez mais eficazes na fomentação do desejo, na criação junto do consumidor de sentimentos de necessidade e quase veneração por objectos de consumo. Por outro lado o imediatismo que o estilo de vida moderno exige, a cultura fast, onde do fast-food chegamos ao fast-shopping. Quase ninguém hoje em dia se compadece com o tempo de espera que exige o ritual do “juntar dinheiro para…” Entre o desejo e a satisfação do desejo, o cartão de crédito é um atalho que abrevia em muito um longo trajecto.

Nos Estados Unidos começa a ser normal os consumidores terem não um, nem dois, nem três, antes uma boa dezena de cartões de crédito na carteira. Não se trata de puro exibicionismo pois ter um cartão de crédito deixou de ser um privilégio atribuído aos melhores clientes dos bancos e ao invés generalizou-se, tornou-se menos um objecto de status e mais um método de pagamento banal que substitui na perfeição o tradicional pagamento a dinheiro. Método bem mais asséptico, onde o acto de pagar é também bem mais prático e até mais elegante
A razão porque os americanos têm inúmeros cartões de crédito prende-se com o facto de cada um deles proporcionar vantagens distintas uns dos outros e daí ser conveniente ter vários de modo a usá-los nas situações onde cada um trás mais vantagens, principalmente ao nível dos descontos que proporcionam. É perfeitamente vulgar hoje em dia ver um americano fazer compras no supermercado com um cartão (eventualmente emitido e gerido pelo próprio supermercado), pagar a conta do jantar com outro porque obtém um desconto naquele restaurante especifico, encher o depósito de gasolina com outro ainda porque obtém um desconto em cada litro, e pagar a noite do hotel também com outro cartão diferente porque além do desconto obtém pontos de fidelidade que depois de acumulados darão uma noite extra. São apenas exemplos, mas retratam uma realidade que cada vez mais é a nossa realidade aqui em Portugal. No nosso mercado existem já largas dezenas de cartões, todos também com as suas características próprias, com pormenores que os distinguem uns dos outros. O consumidor atento poderá tirar partido das vantagens que cada um deles oferece se tiver a auto disciplina e o ‘rigor orçamental’ suficientes para não deixar acumular dívida e liquidá-la religiosamente a 100% todos os meses, de modo que não transite passivo para o mês seguinte e acabe por pagar juros, algo que invalidará as eventuais vantagens que teria com a utilização do cartão.


Cartão perfeito para comprar na Internet
Se efectua regularmente compras na Internet ou gostava mas tem algum receio de o fazer devido às fraudes e à possibilidade de obterem os dados do seu cartão de crédito normal, existe um cartão de crédito virtual bastante versátil onde é o titular quem define o plafond de acordo ou não com a quantia exacta que pretende gastar. Além desta característica, as operações de monitorização e controlo das operações realizadas com o cartão são mais exigentes dificultando a ocorrência de situações abusivas. Este cartão em funcionamento simultâneo com o serviço Mbnet torna os pagamento efectuados praticamente 100% seguros contra qualquer espécie de fraude.

Cartão com pacote de seguros atractivo e descontos de 15%
Existe um cartão de crédito que confere aos seus titulares um vantajoso pacote de seguros que inclui acidentes pessoais, bagagem, assistência jurídica, a pessoas e veículos. Além disso oferece 15% de desconto em mais de 200 lojas e marcas. Os detentores deste cartão recebem ainda mensalmente uma revista.

Para quem viaja e vai a espectáculos
Este cartão de crédito oferece um serviço de reserva de bilhetes para espectáculos através de um simples telefonema. Tratam também de toda a parte burocrática que envolve uma viagem para o estrangeiro assim como o envio de flores para todo o país. Os detentores deste cartão recebem ainda em exclusivo propostas e convites para eventos culturais e desportivos, e mensalmente a revista “Volta ao Mundo”. A este cartão estão ainda associados um pacote de seguros de viagem e internamento.

Cartão Gold
Os cartões Gold distinguem-se dos cartões de crédito normais pela qualidade e regalias que oferecem, conferindo aos seus titulares um certo status. Por parte da entidade emissora o atendimento é prioritário e exclusivo, disponibilizando um serviço de modo a facilitar ao máximo a vida do cliente, oferecendo-lhe a garantia e a tranquilidade de contar sempre com alguém que lhe irá tratar de determinados pormenores burocráticos e logísticos, quer seja no dia-a-dia, quer seja em viagem em qualquer parte do mundo. Tem ainda ao seu dispor um serviço de assistência médica permanente, assistência em viagem e internamento hospitalar com cobertura até € 50.000.
Além destas vantagens, os clientes deste cartão de crédito beneficiam também de descontos em mais de 200 marcas e estabelecimentos e recebem mensalmente uma revista.

Para quem tem despesas inesperadas
Os cartões de crédito exigem o pagamento mensal de uma percentagem mínima da quantia em dívida. Geralmente esta percentagem mínima ronda os 15%. Agora suponhamos que tem de efectuar uma determinada compra imprevista (um frigorifico que se avariou e tem de comprar um novo, por exemplo) pela qual terá de despender € 1000. Significaria que no mês seguinte, caso não tivesse possibilidade de pagar mais ou a totalidade, teria de pagar 15% dessa quantia, ou seja, € 150. Mas se por algum motivo não tivesse condições financeiras de pagar mesmo esse mínimo, poderia optar por um cartão de crédito que lhe permite fixar pagamentos mensais entre € 35 e os € 150 independentemente do valor gasto que tenha acumulado no cartão de crédito.


Mais descontos quanto mais gastar
Com este outro cartão, além de poder usufruir de descontos de 15% em mais de 200 marcas e lojas, obtêm ainda um bónus de €3 por cada €100 de compras que efectuar. Ou seja, sempre que por mês efectue € 100 ou múltiplos de € 100 em quaisquer compras, obterá sempre um desconto de 3%. O desconto subirá para 18% caso compre nas lojas seleccionadas onde por defeito já obtém 15%.

Existem outros cartões de crédito onde poderá obter pontos consoante o montante das suas compras e que mais tarde podem ser rebatíveis em prémios ou vales de compras. Há também cartões que dão milhas, que dão descontos específicos em gasolineiras, ou onde 1% do valor das compras abate à prestação do crédito habitação… As vantagens são variadas e inúmeras. Lojas como a Ikea, a Fnac, Norauto, Vobis, etc., há muito que têm elas próprias os seus cartões de crédito que funcionam em simultâneo como cartões fidelidade. Têm surgido igualmente no mercado cartões de crédito sem anualidade ou com oferta desta, caso o montante anual de compras ultrapasse determinado limite.
O negócio dos cartões de crédito está ao rubro porque os emitentes ganham junto do comerciante seguramente sempre até 5% ou 6% cada vez que é efectuado um pagamento com cartão. E depois ganham com os juros cobrados ao comprador.Com tanta oferta, o leque de escolha está bastante alargado e caberá ao consumidor escolher o cartão que melhor se adapte ao seu estilo de vida e aos seus hábitos de consumo.

0 Comentários:

Publicar um comentário

Página inicial
Blog descontinuado.
Siga-nos agora em
www.dealtorisco.blogspot.com