Blog descontinuado

Este blog foi descontinuado.
Siga-nos agora em www.dealtorisco.blogspot.com

sexta-feira, 20 de maio de 2011

Ouro: a febre continua

,

Bem vistas as coisas, ela já dura há milhares de anos. Mas o seu valor nos mercados tem nos últimos anos atingido sucessivos máximos históricos. Até quando pode continuar esta febre, que factores têm estado a inflacionar o preço do ouro ?

Os Bancos Centrais
É nos bancos centrais que se encontram as reservas de ouro e divisas dos países. Tradicionalmente os bancos sempre foram vendedores de ouro. Nos últimos anos esta realidade inverteu-se, com os bancos centrais a afastarem-se das reservas em papel moeda e a apostarem na compra de ouro, criando pressão na procura e levando inevitavelmente ao aumento dos preços.

O valor do Dólar
O ouro e o dólar dos EUA têm uma relação inversa. Quando o dólar ganha força, o ouro perde valor. Quando o ouro valoriza, o dólar desvaloriza. Os investidores tendem a proteger os seus investimentos refugiando-se ora na moeda, ora no ouro, consoante aquele que estiver com mais força.

A procura
A procura mundial de ouro para joalharia e outras industrias inflaciona o preço do ouro. 78% do ouro extraído e reciclado é encaminhado para a industria de joalharia que a nível global continua em expansão.

Clima político
A subida dos preços do petróleo, instabilidade política e à ameaça do terrorismo são factores que criam receios nos investidores. Em tempos de incerteza e insegurança, é no ouro, como valor tradicionalmente seguro que é, que os investidores se refugiam.

Pode o ouro subir mais?
O ouro não tem parado de valorizar nos últimos anos. Como acontece com qualquer investimento, à medida que os preços vão aumentado os investidores a partir de determinado ponto vão ficando proporcionalmente nervosos com a bolha que se vai formando. Embora tudo o que sobe um dia tenha de descer (certas leis da física também se aplicam aos mercados), parecem subsistir razões para acreditarmos que a bolha pode encher ainda mais, estando reservadas para os próximos meses ou até anos ainda muitas alegrias para os investidores deste metal.

Incerteza económica e política continuada
A Standard & Poor's cortou recentemente o rating dos EUA muito por causa do gigantesco deficit e do aumento do endividamento, existindo 33% de probabilidades que nos próximos dois anos possa haver um novo corte. Além da instabilidade mundial, este downgrade em concreto dos EUA, vai aumentar a atractividade do ouro.

Globalmente reconhecido como protecção da riqueza
Investidores de todo o mundo procuram no ouro um meio de proteger as suas riquezas, servindo como uma proteção contra a incerteza. O interesse em ouro como um investimento seguro, não se limita ao ouro físico, como barras de ouro e moedas. Estende-se também a instrumentos de investimento que têm o ouro como activo subjacente, nomeadamente fundos de investimento e ETF's.

Mercados Emergentes
Como continua a assistir-se ao desenvolvimento das economias emergentes e ao aumentar de salários nesses países, a demanda por ouro deverá continuar também a aumentar, principalmente em países como a India, onde o ouro desempenha um papel social e cultural importante.

Espaço para subir
Se compararmos com a bolha do ouro de 1980, dir-se-ia que a bolha actual ainda pode encher bastante. Se ajustarmos o preço do ouro com a inflação, verificamos que o preço do ouro, para estar em correlação com o verificado aquando do rebentar da bolha do ouro em Janeiro de 1980, actualmente teria de estar nos 2300 dólares. Ora, actualmente o ouro ronda os 1500 dólares. Provavelmente, aqui ainda se pode aplicar o velho adágio: mais vale tarde que nunca...para embarcar neste negócio.

Se estiver interessado em investir e negociar ouro:
eToro
AvaFx
Plus500

0 Comentários:

Publicar um comentário

Página inicial
Blog descontinuado.
Siga-nos agora em
www.dealtorisco.blogspot.com