Blog descontinuado

Este blog foi descontinuado.
Siga-nos agora em www.dealtorisco.blogspot.com

terça-feira, 28 de junho de 2011

Domínios .qualquer coisa chegam em 2012

A partir de Janeiro do próximo ano será possível o registo de domínios cuja extensão poderá ser qualquer designação. Teoricamente, em 2012 poderemos registar o domínio www.site.ahdinheiro. Dizemos teoricamente porque na prática estes domínios só estarão ao alcance das grandes empresas...

A nova forma de personalização dos domínios terá um custo mínimo de 185 mil dólares, sendo de esperar que alguns domínios mais concorridos possam alcançar o milhão. A Canon e a Hitachi já anunciaram terem planos para registar domínios com as suas designações.
Particularmente concorridos serão também os domínios com as extensões .web .blog .porn, muito mais acessíveis em termos de custos.
Estas novidades poderão animar ainda mais o mercado de domínios, onde a Amazon tem sido uma das empresas mais activas. Recentemente adquiriu os domínios A.co, K.co, Z.co, eCloud.co por valores que a empresa não quis divulgar. Movimentações que suscitaram já alguma especulação sobre eventuais novos projectos daquele gigante da internet. Note-se que são domínios .co e não .com. Segundo dados divulgados pelo Sedo os domínios .co e .me são actualmente aqueles onde se verifica um maior aumento de vendas. No entanto, são os domínios .com que continuam a dominar com 51% do total de vendas mediadas por aquele site.
Os domínios são um instrumento essencial no arsenal do marketing digital de qualquer empresa, incontornável quando falamos de campanhas, estratégias de gestão de marca ou de marketing de produto. Tornaram-se numa autêntica mercadoria, transaccionado em vários mercados como o acima mencionado Sedo onde estão listados mais de 16 milhões de domínios para venda. O site divulgou a lista dos domínios que em 2011 atingiram valores mais altos. O Gamesforgirls.com foi o domínio mais caro, vendido por 500 mil dólares. Seguiu-se o action.com por 270 mil e o ts.com por 186 mil dólares.

registo de domínios no 1&1

negociação no Sedo

1 Comentários:

André 28 de junho de 2011 às 14:58  

Excelente inovação. Também seria particularmente interessante permitir caracteres especiais como ç e acentos nos domínios, mas isso creio ser impossível devido a limitações do protocolo http.
Sinceramente nunca imaginei que a venda de domínios fosse tão lucrativa... 500 mil dólares é qualquer coisa!

Publicar um comentário

Página inicial
Blog descontinuado.
Siga-nos agora em
www.dealtorisco.blogspot.com